CUIABÁ

Siga nossas redes

BOLETIM DIÁRIO

Há 308 internações em UTIs públicas e 216 em enfermarias públicas; taxa de ocupação está em 59% para UTIs e 29% em enfermarias

Publicado em

MATO GROSSO

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta sexta-feira (20.08), 511.230 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 13.293 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 1.065 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 511.230 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 8.209 estão em isolamento domiciliar e 488.453 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 308 internações em UTIs públicas e 216 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está 59,92% para UTIs adulto e em 29% para enfermarias adultos.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (104.261), Rondonópolis (36.460), Várzea Grande (34.204), Sinop (24.330), Sorriso (17.548), Tangará da Serra (17.239), Lucas do Rio Verde (15.230), Primavera do Leste (14.091), Cáceres (11.206) e Barra do Garças (10.448).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

O documento ainda aponta que um total de 386.221 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 116 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na quinta-feira (19.08), o Governo Federal confirmou o total de 20.494.212 casos da Covid-19 no Brasil e 572.641 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país tinha 20.457.897 casos da Covid-19 no Brasil e 571.662 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados desta sexta-feira (20.08).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança.

Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;
– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;
– Evitar contato próximo com pessoas doentes;
– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;
– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

“SES-MT”

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Parceria entre instituições viabiliza instalação de unidade da PRF para combate ao tráfico de pessoas
Propaganda

MATO GROSSO

Ação integrada apreende carga de pasta base avaliada em R$ 14,3 milhões

Publicados

em


Mais de 608 quilos de pasta base e cloridrato de cocaína, avaliados em mais de R$14,3 milhões, foram apreendidos na BR-174 na manhã desta quinta-feira (27.01), em Porto Esperidião (322 km de Cuiabá). A ação foi um trabalho integrada do Grupo Especial de Segurança de Fronteira (Gefron) e Força Tática do 6º Comando Regional da Polícia Militar e a Polícia Federal.  Em menos de um mês o Gefron soma a apreensão de mais de uma tonelada de drogas em 2022.  

A apreensão ocorreu por volta de 7h da manhã, quando os veículos seguiram pela BR-174 deixando a cidade de Pontes e Lacerda sentido à Porto Esperidião. Durante a aproximação os policiais identificaram que se tratavam de dois veículos, sendo que um Hyundai Elantra que atuava como batedor e uma caminhonete VW Amarok, que transportava a droga.

Após abordagem os veículos, os policiais encontraram diversas malas carregadas com tabletes de entorpecente na cabine e na carroceria do veículo. Ao todo, foram 120 quilos de pasta base de cocaína, avaliados em mais de R$ 2,1 milhões e 488 quilos de cloridrato de cocaína e pode ser comercializada por mais de R$ 12,2 milhões.

Leia Também:  Nova Santa Helena : Paciente diz que os mesmos profissionais que atendem suspeitos de terem covid-19, atendem doentes com outras patologias

Os dois homens que conduziam os veículos foram presos em flagrante durante a ação e podem responder por tráfico internacional de drogas. Um dos presos já tinha passagem por evasão de divisa, tentando atravessar a fronteira com dinheiro não declarado. Os suspeitos, os veículos e a droga foram encaminhados a Polícia Federal de Cáceres (220 km de Cuiabá).  

Com mais esta apreensão, o Grupo Especial de Segurança de Fronteira (Gefron), já aprendeu mais de 995 quilos do entorpecente em ações conjunta com a Polícia Federal. Sendo que outros 272 quilos foram apreendidos em uma Toyota Hillux durante ação no município de Campo de Júlio (566 km de Cuiabá). Na ocasião, quatro homens foram presos fazendo o transporte da droga.

Além disso, os operadores de fronteira apreenderam outros 115 quilos de cloridrato e pasta base de cocaína em três ocorrências diferentes com o apoio da Polícia Militar. Sendo 16 quilos de cloridrato de cocaína em Pontes e Lacerda e 99 quilos de pasta base em Cáceres.  Ambos os municípios estão na faixa de fronteira com a Bolívia.

Leia Também:  Pantanal de MT está há mais de 150 dias sem chuvas e queimadas devem se tornar mais frequentes
Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

POLÍTICA

MULHER

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA