Homem esfaqueia adolescente e leva pauladas de populares em Sinop
Por 3 votos a 0 a Comissão de Ética da Câmara de Cuiabá aprovou a cassação do mandato do vereador Abílio Júnior
Homem é encontrado morto em lago de Matupá
Empresas de Mato Grosso geraram 23 mil empregos em 2019
Publicado em 11/02/2020
Mesmo sem provas ou perícia, membros de grupos de whatsapp incitam violência contra pais de bebê que supostamente morreu engasgado com leite em Colíder
Boato fez com que o povo revoltado cercasse a casa dos dois
Policia
Mesmo sem provas ou perícia, membros de grupos de whatsapp incitam violência contra pais de bebê que supostamente morreu engasgado com leite em Colíder

Por Joel Teixeira

Antes mesmo de uma perícia sobre a morte do bebê de 2 meses que supostamente engasgou com leite, grupos de whatsapp inflamam a justiça com as próprias mãos (linchamento) contra os pais, dois adolescentes. O casal foi levado à delegacia para depoimento, mas o clima no local era de condenação e revolta contra os pais do bebê.


O boato de que os dois mataram o próprio filho crescem em toda a cidade, mas no momento não há nenhuma comprovação oficial sobre um suposto crime. Em um grupo a que tivemos acesso há relatos como:

"Tinha que deixar a população dar uma taca. Ai que ódio!"

"A criança não tem culpa de nascer de um lixo desse."

"Tinha que torturar eles, sentir dor até morrer."

A polícia afirmou à produção do TV Notícias que ainda não há indícios de que a criança foi assassinada. Os pais devem ser liberados com todos os cuidados de segurança, para não serem vítimas de possíveis justiceiros, tomados pela revolta, ocasionada por boatos publicados em grupos de whatsapp.

INCITAR A VIOLÊNCIA É CRIME

Art. 286 do Código Penal - Decreto Lei 2848/40
CP - Decreto Lei nº 2.848 de 07 de Dezembro de 1940. Art. 286 - Incitar, publicamente, a prática de crime: Pena - detenção, de três a seis meses, ou multa.

A Polícia Judiciária Civil investiga o caso.

Assista ao vídeo

Dedos, crânio e pedaço de perna são encontrados às margens de córrego em Cuiabá
UTI neonatal do Hospital Regional de Colíder continua sem atender demanda, enquanto bebês esperam regulação para outros lugares
MEGA-SENA ACUMULA OUTRA VEZ. ACUMULOU PARA R$ 120 MILHÕES
Por 3 votos a 0 a Comissão de Ética da Câmara de Cuiabá aprovou a cassação do mandato do vereador Abílio Júnior
Notícias com enfoque no Estado de Mato Grosso
Todos os direitos reservados ao Grupo Joel Teixeira