Empresário é preso após amarrar morador de rua em carro e arrastá-lo até a morte
Governo quer revogar 1.220 atos normativos editados entre 1850 e 2018
Guedes: Brasil terá que criar imposto digital e fará desoneração da folha
Caixa paga 2ª parcela de R$ 300 da extensão do auxílio emergencial
Publicado em 28/08/2020
Grávida é morta a tijoladas, bebê é retirado da barriga dela a corte de estilete; amiga confessa o crime
Policia
Grávida é morta a tijoladas, bebê é retirado da barriga dela a corte de estilete; amiga confessa o crime

O corpo de uma mulher foi encontrado na manhã desta sexta-feira (28) em uma cerâmica desativada em Canelinha/SC. Segundo a Polícia Civil, Flavia Godinho Mafra estava grávida, foi morta a tijoladas e tinha cortes na barriga provocados por estilete. A suspeita é que uma amiga da vítima tenha feito uma emboscada para cometer o assassinato e ficar com a recém-nascida. Ferida, a bebê foi levada a um hospital pelo marido da suspeita. Ambos foram presos.

O delegado Paulo Alexandre Freisleben da Silva disse que a mulher confessou o crime e que ele foi premeditado. 

A bebê foi internada no Hospital Infantil Joana de Gusmão, em Florianópolis. Segundo uma amiga da vítima, o nascimento da menina estava previsto para 22 de setembro.

A vítima estava desaparecida desde a tarde de quinta-feira (27). Segundo o delegado Paulo Alexandre Freisleben da Silva, ela teria sido levada até o local do crime por Rozalba Grimm, que é amiga da vítima.

"G1"

A 8 dias da eleição nos EUA, quase 60 milhões já votaram antecipadamente
Caixa paga 2ª parcela de R$ 300 da extensão do auxílio emergencial
Dólar opera em alta e volta a bater R$ 5,79
Em plebiscito, chilenos votam por redigir nova Constituição
Notícias com enfoque no Estado de Mato Grosso
Todos os direitos reservados ao Grupo Joel Teixeira