Policial Militar é condenado a 24 anos de prisão por morte a pauladas de jovem de 16 anos
Ministro do STF vê confissão de culpa em pedido de Flávio Bolsonaro
Colíder está um caos, mas o povo só se manifesta por shows e comida de graça
Veja vídeo - Filho legítimo do cantor Marciano, não reconhecido por ele, diz que perdoa e pede perdão ao pai falecido na madrugada desta sexta-feira
Publicado em 28/07/2017
Dono de bar, abre o estabelecimento 5 minutos após fechar para burlar lei
Ele não é advogado mas teve a expertise de um gênio das leis
Variedades
Dono de bar, abre o estabelecimento 5 minutos após fechar para burlar lei

 

Famoso por tratar os clientes mal e eles adorarem, Capelão,  dono de um bar em Viçosa/MG, encontrou uma forma inusitada de burlar uma lei local.

Frequentadores do bar relataram na internet que ele fechou o bar às 02h, como previa a lei.

O que a fiscalização não contava era que 5 minutos depois ele abriria o bar, alegando que havia uma hora para fechar, mas nenhuma para abrir.

O texto de um internauta diz o seguinte:

“Os vereadores da cidade de Viçosa criaram um toque de recolher na cidade, determinando que todos os bares encerrassem suas atividades às 2h da manhã. O que nosso herói fez? Mandou todos os clientes para fora, pois tinha que fechar o bar, era lei. Fechou o bar e, cinco minutos depois, reabriu. Quando o policial chegou, intimando-o a fechar, mostrou-lhe a lei: “A lei tá aqui na minha mão. Olha só. Tem hora pra fechar o bar, mas não tem hora pra abrir. Meu bar abre 2h05. Sinto muito”

Veja a publicação do seguidor:

Fonte: omachoalpha

 

Veja vídeo - Filho legítimo do cantor Marciano, não reconhecido por ele, diz que perdoa e pede perdão ao pai falecido na madrugada desta sexta-feira
Vídeo flagra acidente entre Hilux e duas carretas em rodovia de Mato Grosso; veja
Sorriso: Mulher discute com companheiro, pede para os filhos saírem e coloca fogo em quitinete
Policial Militar é condenado a 24 anos de prisão por morte a pauladas de jovem de 16 anos
Notícias com enfoque no Estado de Mato Grosso
Todos os direitos reservados ao Grupo Joel Teixeira