Caixa paga 2ª parcela de R$ 300 da extensão do auxílio emergencial
A 8 dias da eleição nos EUA, quase 60 milhões já votaram antecipadamente
R$ 9,5 BILHÕES EM INVESTIMENTOS – “Programa Mais MT é realizado com base na realidade do Estado e para todos os mato-grossenses”
Empresário é preso após amarrar morador de rua em carro e arrastá-lo até a morte
Publicado em 20/07/2020
A morte de Vanderlei do Doze, outra versão, além da oficial choca ainda mais pela tragédia
Policia
A morte de Vanderlei do Doze, outra versão, além da oficial choca ainda mais pela tragédia

Por Joel Teixeira

A versão oficial, segundo a Polícia Militar que atendeu a ocorrência:

 

Ildefonso Inácio de Souza 70 anos, alvejou Vanderlei de Souza 38 anos, a tiros por volta das 17h desse Domingo.

De acordo com a Polícia Militar de Nova Canaã do Norte, à 45 km de Colíder, Norte de Mato Grosso, que atendeu a ocorrência, o crime ocorreu no lugarejo conhecido como Doze naquele município.

Vanderlei estava separado da filha do senhor Ildelfonso e, de posse de uma faca teria ido à casa do ex-sogro a fim de matar a ex-mulher, quando foi alvejado por dois disparos de arma de fogo.
Vanderlei morreu na hora.

Ainda de acordo com a PM, Ildefonso fugiu do local do crime, mas a família dele disse que nos próximos dias ele vai se apresentar ao delegado da Polícia Judiciária Civil.

 

Versão de parte da familia de assassino e vítima 

É com muita tristeza que ouvi relatos desesperados de familiares do Vanderlei de Souza, 38 anos, assassinado ontem por volta das 17h em um lugarejo conhecido como Doze, região de Nova Canaã do Norte.

A tragédia é ainda maior do que parece, o assassino, senhor Ildefonso de 70 anos, homem honrado e trabalhador era tio da vítima, Vanderlei, outro rapaz também conhecido por ser muito correto em sua vida. Segundo a família, hoje em choque, Vanderlei foi praticamente criado pelo tio Ildefonso, seu assassino o viu crescer com todos os sonhos, acompanhou a paixão que ele sentia pela sua filha, prima, sim consanguíneos. Casaram-se e construíram uma família, “ele disse uma vez que preferia morrer, se fosse para vê-la morta,” disse um familiar à nossa reportagem.

Segundo parte da família, Vanderlei não estava separado da esposa, como disseram as autoridades à nossa reportagem, eles teriam almoçado juntos, todos em família; depois disso houve uma discussão entre o assassino e a vítima. Eles não souberam explicar o que teria motivado a discussão ( segundo a polícia foi porque Vanderlei tentou matar a ex-esposa com uma faca e ainda ameaçou duas pessoas idosas na casa).

O que é certo é que não são duas famílias que sofrem a dor dessa tragédia no Doze, é uma família que está dividida. Uns tentam entender o motivo do crime, outros já sabem e não aceitam a suposta atitude de Vanderlei contra parte de sua própria família. Alguns da família dizem que não precisava tanto. As autoridades não tem interesse por algum lado, mas fazem o papel delas, atender à ocorrência e investigar o crime. O TV Notícias, agradece às autoridades que nos atendeu prontamente e repassaram a versão oficial. Solidarizamos com a família enlutada nesse momento de profunda dor. Lamentamos pelo fato de “seo” Ildefonso, ter cometido um crime, mas uma atitude drástica como essa, certamente não seria por nada.
Todos choram nesse momento.

PF faz operação em 4 estados contra fraude em centro de tecnologia
Empresário é preso após amarrar morador de rua em carro e arrastá-lo até a morte
PF abre inquérito para apurar pagamentos de R$ 9 milhões da JBS a Wassef
A 8 dias da eleição nos EUA, quase 60 milhões já votaram antecipadamente
Notícias com enfoque no Estado de Mato Grosso
Todos os direitos reservados ao Grupo Joel Teixeira